terça-feira, 9 de dezembro de 2008

'' POESIA DA SAUDADE''


Saudades do Recife
das pontes
rios e mar
da família que lá está

dos amigos
do forró
das poesias de miró
do burburinho bar

da tomazina da música
da Rua da moeda
do som da duque de Arake
que muitos instigam

das meninas bonitas
do frevo de Capiba
do maracatu do mestre Salú
do mangue beat

da sopa de Rogê
do caldinho de sururu
da praia de Boa Viagem
saudade de no capibaribe mijar

da rua da Aurora
esquina com a Conde da Boa Vista
Boa Vista
que se tem de lá

cidade feliz
com vários problemas, saudade...
que não dá para descrever
neste pequeno poema.


Caranguejúnior

2 comentários:

Paulo D'Auria disse...

Linda homenagem!

gustavo disse...

Valeu Brother por nos incluir em suas lembranças daqui da nossa "Grande pequena" cidade !!

Grande abraço em nome de todos !!!


Gustavo Verde milfont !!

Massa Brother !!