sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

''FAIXA DE GAZA''


bombas caem na faixa...
na faixa de gaza
onde não há esperança
onde não há asas

na faixa
bombas caem de graça
free
onde a desgraça é real

a paz não chega
na Palestina
a guerra ''santa'' predomina

a paz não chega
em Israel
guerra "santa" em nome do céu

em nome de ALÁ
tiros cortam o vento
os corpos
o Céu...

na faixa de gaza
a paz não mora
crianças morrem
e Deus chora...

Caranguejúnior

2 comentários:

Yara Beatrice Jasmin Nin Poulain Black Mamba disse...

Queria um verso
uma poesia pedra palestina
sem rima
contra as bombas
dos impérios anti-poéticos...

Paulo D'Auria disse...

Coincidência rapaz!
postei ontem também um poema sobre os bombardeios em Gaza! Tietês em sincronicidade. Sim, croni-cidade!

Grande abraço!